Talhar sentidos

Casa invadida, casa ocupada. E inundados, temos que, necessariamente, fazer escolhas – também acadêmicas. Travessias, pensamentos, leituras, (re)encontros… Encharca-se nossa própria cristalização e permanência… Subverte-se (mixando nossas identidades) o tempo, o som, o pulso do que nos seduz e repulsa. Apropriamo-nos do caldeirão ditador de receitas científicas, mas ensaiamos experimentais Leia mais…

Identitas

Se existe uma irrefreável procura por algo real certamente não o encontraremos senão pela instabilidade do encontro com o outro. Mas o que desta alteridade camponesa, histórica ou contemporânea, atrai e faz gravitar sobre ela? Polêmica e divergência em torno da definição conceitual de campesinato, agricultura familiar, pequena produção, são Leia mais…

Encontros

Entre os atos, fatos ditos nas minhas telas, algo subsiste por um contínuo que transpassa… os próprios atos, os próprios fatos. Mas de outra camada, de outra tessitura. Ditam palavras: escritas faladas. Falácias. Fazem piadas: frias, insensatas. Nem uns, nem outras, boca calada. Todo dia na rima enxada-madrugada. Subsiste. Persiste. Leia mais…