A Coisa Útil

(Reynaldo Jardim, Brasil, 1926-2011) (viaEupassarin) Um fruto (ou mesmo o pão) é útil à proporção que alimenta. A couve-flor (ou mesmo o ar) é bela porque germina. Assim o trigo e o canavial, o café e o porto, a mulher e o tempo. Sementes de gordos horizontes. Comei deste poema Leia mais…

sobre arrozes

Semana passada um coordenador de área da Capes deu uma palestra sobre os cursos interdisciplinares de pós-graduação no Brasil… para poupar comentários meus sobre a apresentação, colo aqui o de uma amiga, a Bruna, que também assistiu-a: discurso vazio, cruel, velho, vencido, acabado… Mas enfim, ao final do dia, além Leia mais…